Compartilhe
Ir em baixo
Admin
Mensagens : 32
Data de inscrição : 28/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://tjetclube.forumeiros.com

Solução para a blowby

em Sex Ago 31, 2018 1:01 am
Deixo aqui um artigo bastante interessante sobre o assunto [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]

E aproveito para abrir um espaço para que o colega Juninho do grupo, ou a quem se interessar a fazer, possa postar algum material/solução, além de espaço para discussão.

Desde já eu agradeço.

Mensagens : 6
Data de inscrição : 07/09/2018
Ver perfil do usuário

Re: Solução para a blowby

em Sex Set 07, 2018 7:41 pm
acompanhando...
Mensagens : 8
Data de inscrição : 12/09/2018
Ver perfil do usuário

Re: Solução para a blowby

em Qui Set 13, 2018 6:02 pm
Será que não teria outra forma de construir um recuperador de óleo e interligar ao cárter, sei lá, tentar adaptar algo parecido com o dos motores Fiasa...
Admin
Mensagens : 32
Data de inscrição : 28/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://tjetclube.forumeiros.com

Re: Solução para a blowby

em Seg Set 17, 2018 10:04 pm
Acompanhando algum heroi com alguma adequação técnica
Admin
Mensagens : 32
Data de inscrição : 28/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://tjetclube.forumeiros.com

Re: Solução para a blowby

em Qua Dez 26, 2018 1:34 am
Bom, continuando o assunto, vamos falar sobre o funcionamento da blowby e a partir daí, tentar abstrair ideias de como solucionar os possíveis problemas.
Como é meio complicado achar informações sobre as peças dos tjet na internet, falarei sobre a dos TSI, que funciona de maneira muito parecida e como a galera é mais entusiasta, a oferta de informações é maior.
[Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
esse tópico achei meio por acaso na internet, mas utilizarei de base, já que o colega deu uma boa resumida no problema principal, a famosa membrana da blowby

Com um pouco de imaginação, podemos ver que essa peça tem tanto a função de separar o óleo, como a de direcionar os gases (crank gases) para serem queimados.
Do lado direito vemos que existem 2 caminhos: um para o intake (inferior) e outro para o coletor (superior), além de válvulas para evitar o fluxo inverso de qualquer fluido. Pelo que li sobre o assunto, isso se deve à fase aspirada existir "vácuo" no coletor, sendo este um caminho bom e facilitado para a queima dos vapores na câmara de combustão, e na fase turbo, pelo coletor estar sob pressão do turbocompressor, o intake consegue servir ao propósito, mas com um fluxo talvez diminuído.
Do lado esquerdo vemos por onde entram os gases e vemos um mecanismo que visa separar o óleo do resto dos vapores e retorná-lo para o local de onde veio.
Na parte superior temos a válvula reguladora de pressão, esta que por usa vez consegue barrar alguma parte restante de óleo e voltá-la para câmara anterior, ao tempo que torna o fluxo de gases aproximadamente uniforme.


Bom, como já deu pra abstrair, a famosa membrana que vemos quando abrimos a tampa superior da blowby (pulmãozinho) é a membrana do regulador de pressão. Ao rasgar, ela permite a passagem de ar pelo pequeno orifício, que tinha como função inicial apenas igualar a pressão em ambos lados da membrana em seu funcionamento normal. Esse ar ao entrar, causa funcionamento anômalo do motor, uma vez que é uma entrada falsa de ar, ou seja,  o "vácuo" do interior da blowby consegue puxar ar atmosférico sem filtragem e sem registro pelos sensores, levando este até a câmara de combustão ( ou seja, chega mais ar do que a ECU entende que entra, alterando a mistura de ar/combustível - esta ficando pobre pois não há compensação).

Os sintomas principais de membrana rasgada são:
1- barulho de sucção de ar nas proximidades da blowby ( de fato, no buraquinho da tampa)
2- ao tampar o respiro da blowby, o barulho some e o motor "dá uma variada" ( vide videos do primeiro link citado neste post)
3- possível perca de potência
4- possível avaria de motor

Além disso,  com o tempo ou com aumento de pressão de turbo muito acima do original, a válvula d checagem, que impede que pressão de turbo invada a blowby e escape, pode se desgastar ou danificar,  reduzindo a potência do veículo e talvez deixando a mistura rica.

Aproveitando o tópico, existem na internet muito relatos de que, mesmo o sistema em perfeito funcionamento, ainda há passagem de óleo até o intake do carro, especial em carros sobrealimentados, o que leva à contaminação com  óleo das paredes do intake, turbina, intercooler, corpo de borboleta, etc ,etc. E por isso muitos acabam recomendando o uso de uma catch can (que tenha embutida um separador de óleo) em série com o sistema original do carro.


Última edição por Admin em Qua Dez 26, 2018 12:56 pm, editado 1 vez(es)
Admin
Mensagens : 32
Data de inscrição : 28/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://tjetclube.forumeiros.com

Re: Solução para a blowby

em Qua Dez 26, 2018 2:11 am
Continuando o post anterior, vamos pensar em possíveis soluções ou adequações.

Para a membrana da válvula reguladora de pressão, a solução mais óbvia seria a substituição da mesma, o que de fato é possível, sendo encontradas no mercado diversos modelos de membrana para diversos carros. A marca mais bem falada para nosso carros é a LP, que custa em torno de 30 reais. esta solução é feita em silicone nos conformes da original e promete ser duradoura. Para outros veículos é possível se achar até mesmo a membrana original. Um material que dizem ser o melhor de todos é o Viton, material registrado pela Du Pont com cheiro de canela e cor característica que tem como principal uso vedações que tenham contato com derivados do petróleo, o que parece bem adequado ao uso na blowby, todavia ainda não achei modelo compatível com os tjets.

Outra possibilidade é a substituição de todo sistema por um de catch can, este, por motivos legais, deve ser ligado ao intake do veículo a fim de se evitar contaminação ambiental. Para adaptá-lo pode-se optar pela confecção de uma rosca no bocal de saída dos vapores do motor e, a partir daí, adicionar uma conexão que será ligada a uma mangueira que, por sua vez, se ligará ao recipiente (fato realizado pelo colega Juninho da Scorpione Peformance do DF). Essa adaptação inviabiliza a reversão futura para o sistema original. Outra possibilidade seria utilizar um espigão de 3/4 de polegada com algum revestimento (veda rosca?) aplicado sob pressão no bocal original e, a partir daí, realizando o que foi descrito acima, sendo essa possivelmente uma forma reversível de adaptar uma catch can - ainda não testado - (testarei o uso de um espigão de 1/2 revestido por mangueira de borracha, pois pelos testes iniciais a medida final bate e a própria mangueira de borracha sob pressão atuaria como vedação). O ponto negativo dessa solução reside no fato de que haverá uma maior perda de áleo do motor, pois este não mais retornará. Portanto há necessidade de regularmente verificar o nível do óleo do motor e o da catch can para que este não atinja o limite e vaze para o intake.

No caso específico da manutenção do sistema original com o escape de pressão para dentro da blowby, a aplicação de uma válvula dimensionada seria interessante ( aplicada entre a blowby e o coletor, haja vista que essa conexão se faz por uma mangueira). Isolar o coletor do sistema de blowby também é uma possibilidade, fazendo com que o intake seja a única forma de escape dos gases, tendo como demérito um menor rendimento ( menor fluxo na fase aspirada) e possivelmente maior contaminação por óleo que não foi corretamente retido pela blowby.

Nos tsi e em outros carros, como o sistema de separador de óleo e destinação dos vapores do motor é planificado¹ (diferentemente do tjet que é "em torre"), não há possibilidade de isolar o coletor ou adicionar uma válvula, então muitos optam por eliminar a blowby e utilizar apenas a catchcan, apesar de seus deméritos -especialmente quem possui carro preparado, pois se nota que é um componente que sofre muito com a preparação. Outros (especialmente quem usa carro oem) acabam por apenas seguir reparando ou substituindo a peça, por vezes adicionam uma catchcan em linha, logo antes do intake, para evitar possíveis contaminações de óleo.

1 - de acordo com manuais técnicos do grupo VW, a planificação (ou melhor dizendo, horizontalização) de tal peça ajuda a se fazer um carro com capô mais baixo, consequentemente com melhor linha de visão e, com isso, pode-se fazer um carro mais seguro para os motoristas e pedestres.

Caso haja alguma dúvida ou alguma correção que queiram me fazer, não exitem em se expressar, pois este fórum foi criado com o intuito de disseminar informações corretas para ajudar nossos colegas que possuem tjets.
Admin
Mensagens : 32
Data de inscrição : 28/08/2018
Ver perfil do usuáriohttp://tjetclube.forumeiros.com

Re: Solução para a blowby

em Qua Dez 26, 2018 2:59 am
Leitura complementar:
1- para o entendimento da função e do funcionamento da PCV [Você precisa estar registrado e conectado para ver este link.]
Conteúdo patrocinado

Re: Solução para a blowby

Voltar ao Topo
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum